in

Bilionário japonês considerado o rei do Vale do Silício cria fundo de R$ 19,4 bi com foco no Brasil – Glamurama

Masayoshi Son || Créditos: Getty Images

Segundo homem mais rico do Japão com estimados US$ 21,8 bilhões (R$ 84,7 bilhões) na conta, e considerado o investidor mais poderoso do Vale do Silício atualmente, Masayoshi Son está de olho no Brasil. Nesta semana foi anunciado que a empresa dele, a holding de investimentos SoftBank, criou um fundo de US$ 5 bilhões (R$ 19,4 bilhões) exclusivo para financiar startups de toda a América Latina, mas com foco no país, onde esse tipo de negócio caminha a passos mais largos.

Por aqui, companhias em fase de expansão como 99, Loggi e Gympass já receberam os dólares do SoftBank, que administra ainda um outro fundo, o Vision Fund, com mais de US$ 100 bilhões (R$ 388,5 bilhões) em caixa, grana alocada por alguns dos maiores family offices do mundo (ao exemplo do de Larry Ellison, cofundador da Oracle), além de aportes feitos por gigantes do mundo tecnológico como a Apple e pelo governo da Arábia Saudita.

Hoje visto como um gênio por quase todos no mundo corporativo, Son viveu uma fase bem ruim em 2000, por causa do estourou da bolha da internet naquele ano. Na época com uma fortuna estimada em US$ 90 bilhões (R$ 349,6 bilhões), ele viu mais de US$ 70 bilhões (R$ 271,9 bilhões) se evaporarem em poucos dias e mantém até hoje o recorde de bilionário que mais perdeu dinheiro em um curto espaço de tempo na história – águas do passado, já que claramente ele deu a volta por cima. (Por Anderson Antunes)

Fonte Oficial: https://glamurama.uol.com.br/bilionario-japones-considerado-o-rei-do-vale-do-silicio-cria-fundo-de-r-194-bi-com-foco-no-brasil/.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Segredos dos Famosos.

Comentários

157 morrem em queda de avião na Etiópia – Jovem Pan FM