in

MPF denuncia cinco pessoas por fraudes de R$ 1,2 mi contra o Conselho Regional de Odontologia – Jovem Pan FM

Reprodução/MPFUma das fraudes mais graves era o superfaturamento de diárias em viagens fictícias

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou à Justiça cinco pessoas por desvio de dinheiro do Conselho Regional de Odontologia (CRO) de Rondônia. Uma das fraudes mais graves era o superfaturamento de diárias em viagens fictícias.

Segundo o MPF, em alguns casos, como em outubro de 2016, um dos envolvidos recebeu mais diárias do que o número de dias do mês. Foram 53 diárias para um mês de 31 dias, sendo que apenas 21 dias daquele mês eram úteis. De 2013 a 2018, as fraudes ultrapassaram R$ 1,2 milhão.

Os fatos ocorreram de 2013 a 2018, em Porto Velho, e foram descobertos durante a Operação Diarista, executada pela Polícia Federal em conjunto com o MPF.

Além de aumentar a quantidade de diárias pagas, os denunciados também aumentavam o valor de cada diária e emitiam diárias para a mesma pessoa a lugares diferentes no mesmo período. Para encobrir transferências do CRO para sua própria conta, uma das denunciadas fraudou processos e documentos para encobrir os rastros.

O ex-presidente do CRO, Hailton Cavalcante dos Santos, a gerente financeira Sebastiana Dias Gil, os ex-tesoureiros Pedro Ivo Santos da Silva e Ilso Márcio Gedro Rocha vão responder à Justiça Federal pelos crimes de associação criminosa e apropriação e desvio de dinheiro da entidade. A servidora Meire de Souza Torres responderá pelos mesmos crimes, além de falsificação de documento público.

Fonte Oficial: https://jovempan.uol.com.br/noticias/brasil/mpf-denuncia-cinco-pessoas-por-fraudes-de-12-mi-contra-o-conselho-regional-de-odontologia.html.

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Segredos dos Famosos.

Presidente da CBF confirma Juninho Paulista no lugar de Edu – Jovem Pan FM

Em troca de fim de investigação, Petrobras deixa mercado de gás natural; governo espera preço 40% menor – Jovem Pan FM